Ecos do amanhã (Sérgio Sá)

capa_ecos_amanha

‘Atenção! Cuidado! Já ouviu? Tá ouvindo?’ Pois desde que esse ruído começou, nunca mais houve silêncio. Ninguém sabe de onde vem, nada consegue fazê-lo parar. Como se tudo isso não bastasse, há também um visionário gênio bilionário, que resolve criar um Deus virtual, catalisador todas os anseios humanos, baseado nas leis das mais populares religiões do mundo.