Autor: natalia

Lobo por lobo (Ryan Graudin)

capa_Lobo por lobo

Era uma vez, em outra época, uma garota que vivia no reino da morte. O Eixo ganhou a Segunda Guerra Mundial, e a Alemanha e o Japão estão no comando. Para comemorar a Grande Vitória, todo ano eles organizam o Tour do Eixo: uma corrida de motocicletas através das antigas Europa e Ásia. O vencedor, além de fama e dinheiro, ganha um encontro com o recluso Adolf Hitler durante o Baile da Vitória. Yael é uma adolescente que fugiu de um campo de concentração, e os cinco lobos tatuados em seu braço são um lembrete das pessoas queridas que perdeu.


Clarice Lispector para meninas e meninos (Nadia Saá)

capa_clarice_lispector_para_meninas_e_meninos

Clarice Lispector, uma antiescritora popular do Brasil, que rompeu as regras literárias e abandonou uma vida de princesa para voltar a sua terra. Escrevia contos, novelas e crônicas enquanto seus filhos brincavam ao seu redor, e tinha um cachorro louco que comia cigarros.


A arte de fazer escolhas (Louis Burlamaqui)

capa_a_arte_de_fazer_escolhas

“A Arte de Fazer Escolhas” reúne mais de 10 anos de estudo e treinamento em processos de aprendizagem de Louis Burlamaqui no Brasil e no exterior. O autor nos apresenta assuntos complexos, que envolvem física e mecânica quântica, de forma simples e direta para serem aplicados no dia a dia. Em textos que funcionam como ensinamentos, o leitor é convidado a repensar sua maneira de encarar a vida, aprendendo a ter uma atitude mais positiva e a fazer escolhas assertivas.


Hídrico (Tiago Judas)

capa_hidrico

Kocinas foi criado pelo artista plástico Tiago Judas em 1998. O personagem estreou no Sociedade Radioativa, uma pequena publicação que revelou uma nova geração de quadrinistas. O sucesso foi tamanho que Kocinas acabou indo parar na revista Piauí. Foi então que ele, misteriosamente, desapareceu. Agora ele está de volta, neste livro que reúne seus quadrinhos, incluindo vários inéditos. Kocinas é sujeito calmo que vive parte do tempo no mundo da lua. Literalmente. Com seu capacete de aquário, onde mora um peixinho companheiro, ele divaga sobre a vida e a existência humana enquanto vive aventuras surrealistas.


O livro dos negros (Hill Lawrence)

O livro dos negros.indd

história de Aminata Diallo, que foi sequestrada, ainda criança, na África, e vendida como escrava na Carolina do Sul. Após a Revolução Americana, ela foge para o Canadá e escapa da vida de escrava para tentar uma nova história em liberdade. O nome ‘O Livro dos Negros’ se deve ao documento histórico, mantido por oficiais navais britânicos, que oficializou os negros que serviram ao rei na Guerra e fugiram para Manhattan, no Canadá, em 1783. Apenas os negros que estivessem no Livro dos Negros poderiam escapar e conseguir sua liberdade.


Quando a noite cai (Carina Rissi)

capa_quando_a_noite_cai

Briana Pinheiro sabe que não é a pessoa mais sortuda do mundo. Sempre que ela está por perto algo vai mal, especialmente no trabalho. Por isso é tão difícil manter um emprego. E a garota realmente precisa de grana. Mas esse não é o único motivo pelo qual Briana anda perdendo o sono. Quando a noite cai e o sono vem, ela é transportada para terras distantes: um mundo com espadas, castelos e um guerreiro irlandês que teima em lhe roubar os sonhos… e o coração. Depois de ser demitida – pela terceira vez no mês! -, Briana reúne coragem e esperanças e sai em busca de um novo trabalho.


Robô selvagem (Peter Brown)

capa_robo_selvagem

Um robô é capaz de sobreviver na natureza selvagem? Peter Brown sempre foi fascinado por robôs e pela natureza, e depois de anos imaginando, escrevendo e desenhando, ele deu vida a Roz, uma robô que, ao abrir os olhos pela primeira vez, se vê sozinha numa ilha. Ela não tem a menor ideia de como foi parar ali, mas foi programada para sobreviver. Depois de suportar uma tempestade intensa e escapar de ursos furiosos, ela se dá conta de que sua única esperança é se adaptar ao ambiente, e vai ter que aprender isso com os nada simpáticos animais que habitam a ilha.


A mulher do oficial nazista (Edith Hahn Beer)

Print

Edith Hahn era uma mulher austríaca extrovertida e de opinião forte quando a Gestapo aprisionou os judeus em um gueto e, depois, em um campo de trabalhos forçados. Quando Edith retornou à Viena, ela sabia que seria cassada pelos nazistas. Resolve, com a ajuda de uma amiga cristã, criar uma nova identidade. Assim emerge Grete Denner. Foi como Grete que ela conheceu Werner Vetter, um membro do partido nazista que se apaixonou perdidamente por ela. Apesar de seus protestos e de confessar ser judia, Werner a pediu em casamento e manteve sua identidade em segredo.


O mistério das aranhas verdes (Carlos Heitor Cony e Anna Lee)

capa_o_misterio_das_aranhas_verdes

Em “O mistério das aranhas verdes”, você vai descobrir como Carol, de 13 anos, filha de pais separados, irmã mais velha do inconveniente Flavinho, consegue resolver uma trama complicadíssima, mesmo depois de ser sequestrada. Para se livrar dos bandidos, a menina precisa entender qual a relação entre seu irmão, um médico morto aparentemente sem motivo e o Homem de Terno Branco. E a chave para a solução desse mistério está nas aranhas verdes.


Programação do mês

BSP-bannerweb-ago

Confira tudo o que acontece em agosto aqui na Biblioteca de São Paulo. Com certeza tem algo para você!