Veronica Stigger na BSP

bannerweb_seg-intencoes-setembro

Equipamento da Secretaria da Cultura, a Biblioteca de São Paulo (BSP) promove em setembro um bate-papo literário com Veronica Stigger no programa Segundas Intenções. O encontro acontece no sábado, 30, às 11 horas e tem moderação do curador Manuel da Costa Pinto. Veronica nasceu em 1973, em Porto Alegre, é escritora, crítica de arte e professora universitária. Tem uma importante trajetória acadêmica e doze livros publicados, com obras voltadas ao público adulto e infantil. Alguns de seus contos foram traduzidos para o catalão, o espanhol, o francês, o sueco, o inglês, o alemão e o italiano.

Entre eles, destacam-se Opisanie Swiata, finalista do Prêmio São Paulo em 2014, Nenhum nome é verdade (2016) e Sul (2016), que são suas as obras mais recentes. Para crianças, escreveu Dora e o sol (2010) e Onde a onça bebe água (2012), em parceria com Eduardo Viveiros de Castro. No Segundas Intenções, ela vai falar de suas obras e referências, além de contar sobre futuros lançamentos e de como estrutura suas narrativas de maneiras fragmentada.

Buscando um maior diálogo com o público adolescente de 11 a 14 anos, o equipamento cultural do Parque da Juventude continua com o Clube de Leitura para Jovens, que teve a primeira edição em agosto. Em setembro, o moderador e escritor João Luiz Marques explora o clássico Um bolo no céu, de Gianni Rodari, jornalista, escritor e poeta italiano especializado em literatura infantil.

A obra tem um plot misterioso: e se um dia aparecesse no céu uma espécie de disco voador? Os adultos logo pensariam em uma invasão de extraterrestres, chamariam o exército e recrutariam cientistas. Mas quando isso acontece em Roma, duas crianças não acreditam nas aparências e começam uma investigação. Ficou curioso? A atividade está marcada para o sábado, 30, às 14h30.



Comentários

Deixe seu comentário

Todos os comentários estão sujeitos a aprovação