Livros mais emprestados

Veja quais livros foram os mais retirados em janeiro na BSP:

Infantil (0-11 anos)

O livro da selva, adaptação de Roberto Belli

capa_o_livro_da_selva

 

 

Os mais belos Clássicos reunidos nesta coleção em uma linguagem simples, emocionante e primorosamente ilustrada, que desperta a imaginação do pequeno leitor e lhe proporciona horas de mágico entretenimento, em um mundo de sonhos e encantamento.

 

 

 

 

 

Craftando, de Alex Diochon

 

capa_craftando

Craftando é uma história em quadrinhos do autor canadense Alex Diochon e um grande sucesso na internet. O livro narra, sem nenhum balão de fala, as aventuras de um garoto no Mundo da Superfície, lugar onde se passam as aventuras do jogo Minecraft – um sucesso mundial com mais de 100 milhões de cópias vendidas, com 53 mil cópias vendidas diariamente.

 

 

 

 

 

 

 

 

Juvenil (12-17 anos)

Diário de um banana: bons tempos, de Jeff Kinney

capa_diario_de_um_banana_bons_tempos

Procurando uma leitura bem leve e despretensiosa? Acaba de achar. Quem conhece as histórias do banana Greg Heffley, já sabe que aqui a diversão é garantida para crianças de todas as idades. Neste capítulo, para o desespero de Greg, todos na cidade resolvem dar um tempo dos aparelhos eletrônicos e ele se vê obrigado a enfrentar o dia-a-dia à moda antiga. Já imaginou seu paraíso tecnológico desaparecendo de uma hora para outra? Pois é, nem o Greg. Neste capítulo, o autor escolheu um tema que tem tudo a ver com os tempos atuais.

 

 

 

 

 

 

 

 

Jogos vorazes, de Suzanne Collins

capa_jogos_vorazes

 

 

Constituída por uma suntuosa Capital cercada de 12 distritos periféricos, a nação de Panem se ergueu após a destruição dos Estados Unidos. Como represália por um levante contra a capital, a cada ano os distritos são forçados a enviar um menino e uma menina entre 12 e 18 anos para participar dos Jogos Vorazes. As regras são simples – os 24 tributos, como são chamados os jovens, são levados a uma gigantesca arena e devem lutar entre si até só restar um sobrevivente. O vitorioso, além da glória, leva grandes vantagens para o seu distrito. Quando Katniss Everdeen, de 16 anos, decide participar dos Jogos Vorazes para poupar a irmã mais nova, causando grande comoção no país, ela sabe que essa pode ser a sua sentença de morte. Mas a jovem usa toda a sua habilidade de caça e sobrevivência ao ar livre para se manter viva.

 

 

 

 

 

Adulto (acima de 18 anos)

Origem, de Dan Brown

capa_origem

 

Constituída por uma suntuosa Capital cercada de 12 distritos periféricos, a nação de Panem se ergueu após a destruição dos Estados Unidos. Como represália por um levante contra a capital, a cada ano os distritos são forçados a enviar um menino e uma menina entre 12 e 18 anos para participar dos Jogos Vorazes. As regras são simples – os 24 tributos, como são chamados os jovens, são levados a uma gigantesca arena e devem lutar entre si até só restar um sobrevivente. O vitorioso, além da glória, leva grandes vantagens para o seu distrito. Quando Katniss Everdeen, de 16 anos, decide participar dos Jogos Vorazes para poupar a irmã mais nova, causando grande comoção no país, ela sabe que essa pode ser a sua sentença de morte. Mas a jovem usa toda a sua habilidade de caça e sobrevivência ao ar livre para se manter viva.

 

 

 

 

Boneco de pano, de Daniel Cole

capa_boneco_de_pano
O polêmico detetive William Fawkes, conhecido como Wolf, acaba de voltar à ativa depois de meses em tratamento psicológico por conta de uma tentativa de agressão. Ansioso por um caso importante, ele acredita que está diante da grande chance de sua carreira quando Emily Baxter, sua amiga e ex-parceira de trabalho, pede a sua ajuda na investigação de um assassinato. O cadáver é composto por partes do corpo de seis pessoas, costuradas de forma a imitar um boneco de pano. Enquanto Wolf tenta identificar as vítimas, sua ex-mulher, a repórter Andrea Hall, recebe de uma fonte anônima fotografias da cena do crime, além de uma lista com o nome de seis pessoas – e as datas em que o assassino pretende matar cada uma delas para montar o próximo boneco. O último nome na lista é o de Wolf. Agora, para salvar a vida do amigo, Emily precisa lutar contra o tempo para descobrir o que conecta as vítimas antes que o criminoso ataque novamente. Ao mesmo tempo, a sentença de morte com data marcada desperta as memórias mais sombrias de Wolf, e o detetive teme que os assassinatos tenham mais a ver com ele – e com seu passado – do que qualquer um possa imaginar. Com protagonistas imperfeitos, carismáticos e únicos, aliados a um ritmo veloz e uma deliciosa pitada de humor negro, “Boneco de pano” é o que há de mais promissor na literatura policial contemporânea.



Comentários

Deixe seu comentário

Todos os comentários estão sujeitos a aprovação