3 milhões de visitantes: são tantas as histórias que se cruzam na BSP

0

Carlos Eduardo, de 27 anos, vem a pé da Casa Verde até Santana especialmente para utilizar os serviços da BSP. Um dos 3 milhões de visitantes da biblioteca, o rapaz escolheu o lugar para trabalhar e estudar todos os dias. Frequentador assíduo, Carlos Eduardo está sempre no piso superior em uma das mesas bem perto da bancada de jornais. Aqui, ele reconhece seu espaço, como um QG, um home office mesmo que fora de casa.

Redator, ele vem trabalhando autonomamente, escrevendo um livro e fazendo cursos online depois que decidiu afastar-se dos horários e pressões do universo corporativo. Na biblioteca, Carlos Eduardo sente-se à vontade e elogia o acolhimento de todos, além de ressaltar a necessidade de haver mais espaços públicos no mesmo modelo. O wi-fi gratuito e o ambiente criativo são atrativos importantes, na opinião dele.

A história de Carlos Eduardo é uma das várias que se cruzam na BSP, que acaba de completar 3 milhões de visitantes, em agosto. Qual é sua?

Carlos Eduardo. Foto: Equipe SP Leituras.

Carlos Eduardo. Foto: Equipe SP Leituras.

Compartilhe

Sobre o Autor

Deixe um Comentário