Programe-se para o fim de semana: Domingo no Parque é destaque

0
Trupe Pitirilo. Foto: Daniela Faluchi.

Trupe Pitirilo. Foto: Daniela Faluchi.

Na BSP, o Domingo no Parque é dica para as famílias aproveitarem juntas no dia 6 (das 11h às 11h45 com sessões do Lê no Ninho e das 12h às 16h com contações de histórias com a Trupe Pitirilo). Confira, a seguir, as atividades (sujeitas a alteração) programadas para o fim de semana na biblioteca:

5 de outubro (sábado)

11h às 11h45 – Lê no Ninho – Atividade de estímulo e iniciação à leitura para crianças entre 6 meses e 4 anos, realizada com livros lúdicos, contação de histórias e músicas. Com equipe BSP. Vagas limitadas, preenchidas por ordem de chegada.

11h às 13h – Jogos para Todos – Oficina de xadrez: Os participantes aprendem as regras, os movimentos das peças e algumas táticas do xadrez, além de disputar partidas. Pessoas com deficiência visual dispõem de tabuleiros adaptados. Com a FOX (Formação e Orientação de Xadrez). Vagas limitadas, preenchidas por ordem de chegada.

14h às 15h30 – Pontos MIS – Em parceria com o Museu da Imagem e do Som (MIS), a BVL exibe “Benzinho” (direção: Gustavo Pizzi, 2018, duração: 97 min, drama, classificação indicativa: 12 anos).  Não é necessário fazer inscrição.

16h às 17h – Hora do Conto – “Se eu fosse uma árvore”, de Talita Nozomi. Com Willian Gama. Não é necessário fazer inscrição.

6 de outubro (domingo)

11h às 16h – Domingo no Parque – Um pouquinho do que acontece dentro da BSP levado para o lado de fora, à sombra das árvores do Parque da Juventude.
11h às 11h45 – Sessões do programa Lê no Ninho, com equipe BSP.
12h às 16h – Espaço de leitura para toda a família com sessões de contação de histórias. Em caso de chuva, a atividade será realizada dentro da biblioteca. Com a Trupe Pitirilo. Não é necessário fazer inscrição.

16h às 17h – Hora do Conto – “A árvore dos sapatos”, de Mia Couto. Com Paulo Federal. Não é necessário fazer inscrição.

s e 4 anos, realizada com livros lúdicos, contação de histórias e músicas. Com equipe BVL. Vagas preenchidas por ordem de chegada.

14h30 às 16h30 – Oficina A remição de pena por meio da leitura – A atividade visa compartilhar as experiências de mediação de leitura na Penitenciária Feminina da Capital (atividade paralela à exposição Libertas: Leitura e Literatura nas Prisões). Com Vima Lia de Rossi Martin. Vagas limitadas, preenchidas por ordem de chegada. Não é necessário inscrição.

16h às 17h – Hora do Conto – “A lebre e a tartaruga”, de La Fontaine. Com o Grupo Três Marias e Um João. Não é necessário fazer inscrição.

8 de outubro (terça-feira)

9h30 às 18h30 – Exposição – Libertas: Leitura e Literatura nas Prisões – Dois caminhos distintos marcam a experiência humana: a escrita e a leitura; e a prisão. A mostra reúne e apresenta obras clássicas da Literatura sobre o cárcere e obras produzidas por pessoas presas. Visitação: de terça a domingo, das 9h30 às 18h30, até 20 de outubro. Organização: Fórum Cultura, Trabalho e Cidadania. Não é necessário fazer inscrição.

16h30 às 17h30 – Jogos Sensoriais – Divertida experiência lúdica que estimula as habilidades sensoriais e a memória, com jogos e brincadeiras para pessoas com e sem deficiência. Com equipe BVL. A partir de 11 anos. Vagas limitadas, preenchidas por ordem de chegada.

17h15 às 18h15 – Compartilhando Saberes: Yoga – Em ambiente aconchegante e inspirador você poderá desfrutar desta prática milenar, que promove o bem-estar e melhorias na qualidade de vida. Com Fernanda Haskel. Vagas limitadas, preenchidas por ordem de chegada.

9 de outubro (quarta-feira)

9h30 às 18h30 – Exposição Libertas: Leitura e Literatura nas Prisões – Dois caminhos distintos marcam a experiência humana: a escrita e a leitura; e a prisão. A mostra reúne e apresenta obras clássicas da Literatura sobre o cárcere e obras produzidas por pessoas presas. Visitação: de terça a domingo, das 9h30 às 18h30, até 20 de outubro. Organização: Fórum Cultura, Trabalho e Cidadania. Não é necessário fazer inscrição.

10h30 às 11h30 – Pintando o 7 – Produção de pulseiras. Com equipe BVL. A partir de 7 anos. Vagas limitadas, preenchidas por ordem de chegada.

14h às 18h – Curso O Cordel Brasileiro – Tradição, diálogos e atuação – Conheça o processo histórico do cordel brasileiro, seus elementos constitutivos, principais autores e gerações, e a geografia política de seu aparecimento. Com Aderaldo Luciano dos Santos. Indicado para pessoas acima de 18 anos. Inscrições pelo link www.bvl.org.br/inscricao (confira disponibilidade de vagas).

15h30 às 17h – Café com Psicólogo – Série de encontros com o objetivo de promover, integrar e aprofundar conhecimentos relevantes da psicologia. Mediação de Daniel Wajss (atividade em contrapartida à residência do coworking da BVL). Não é necessário fazer inscrição.

16h30 às 17h – Leitura ao Pé do Ouvido (SP Gastronomia) – “Sagarana”, de João Guimarães Rosa. Com equipe BVL. Não é necessário fazer inscrição.

10 de outubro (quinta-feira)

9h30 às 18h30 – Exposição Libertas: Leitura e Literatura nas Prisões – Dois caminhos distintos marcam a experiência humana: a escrita e a leitura; e a prisão. A mostra reúne e apresenta obras clássicas da Literatura sobre o cárcere e obras produzidas por pessoas presas. Visitação: de terça a domingo, das 9h30 às 18h30, até 20 de outubro. Organização: Fórum Cultura, Trabalho e Cidadania. Não é necessário fazer inscrição.

16h às 17h – Luau BVL – O programa abre espaço para soltar a voz e conversar sobre música, atualidades e livros. Com equipe BVL. A partir de 13 anos. Não é necessário fazer inscrição.

11 de outubro (sexta-feira)

9h30 às 18h30 – Exposição Libertas: Leitura e Literatura nas Prisões – Dois caminhos distintos marcam a experiência humana: a escrita e a leitura; e a prisão. A mostra reúne e apresenta obras clássicas da Literatura sobre o cárcere e obras produzidas por pessoas presas. Visitação: de terça a domingo, das 9h30 às 18h30, até 20 de outubro. Organização: Fórum Cultura, Trabalho e Cidadania. Não é necessário fazer inscrição.

14h às 18h – Curso O Cordel Brasileiro – Tradição, diálogos e atuação – Conheça o processo histórico do cordel brasileiro, seus elementos constitutivos, principais autores e gerações, e a geografia política de seu aparecimento. Com Aderaldo Luciano dos Santos. Indicado para pessoas acima de 18 anos. Inscrições pelo link www.bvl.org.br/inscricao (confirma disponibilidade de vagas).

15h às 15h30 – Hora do Conto (SP Gastronomia) – “Cuidado com o menino”, de Tony Blundell. Com equipe BVL. Não é necessário fazer inscrição.

15h30 às 16h30 – Brincando e Aprendendo – Minicampeonato de futebol. Com equipe BVL. Vagas limitadas, preenchidas por ordem de chegada.

Compartilhe

Sobre o Autor

Deixe um Comentário