/ governosp

A BSP

  • A Biblioteca de São Paulo (BSP), inaugurada em 8 de fevereiro de 2010, é uma instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerida pela Organização Social SP Leituras, Para saber mais sobre o contrato de gestão, clique aqui.

    Situado na Zona Norte da capital, o espaço está localizado dentro do Parque da Juventude e visa promover o incentivo à cultura, à leitura e à literatura e tem estrutura planejada para oferecer conforto e autonomia aos frequentadores, que são o elemento central da biblioteca.

    Com entrada gratuita e programação diversificada, a BSP oferece conteúdo em formatos variados, como livros tradicionais ou em braille e audiolivro, DVDs, CDs, além de jogos. Ocupa uma área de 4.257 metros quadrados (baixe as plantas: piso térreo e piso superior) para atender ao público – crianças, jovens, adultos, idosos com e sem deficiência. A biblioteca conta com recursos tecnológicos como computadores, rede wireless e terminal de autoatendimento, além de sala de jogos eletrônicos, ludoteca e auditório.

    Inspirada na Biblioteca de Santiago, no Chile, e nas melhores práticas adotadas pelas bibliotecas públicas do país, a BSP vem atuando, entre outras frentes, na oferta de equipamentos e espaços que permitam o acesso da população à produção e à expressão cultural, em âmbito nacional. E, como laboratório de práticas da área de Biblioteconomia e Ciência da Informação, sedia permanentemente cursos e eventos organizados pelo Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas (SisEB), voltados para a capacitação das equipes das bibliotecas públicas municipais, integrantes do sistema.

    BSP em números

     

    Captura de Tela 2020-01-07 às 18.24.23

     

    Premiações

    A BSP esteve, em 2018, entre as finalistas do International Excellence Awards 2018, na então nova categoria Biblioteca do Ano. A premiação, entregue em cerimônia durante a Feira do Livro de Londres, é uma das mais prestigiadas do setor (a vencedora foi a Biblioteca Nacional da Letônia). Confira, clicando aqui, como foi essa disputa e a cobertura da imprensa.

    Importante acrescentar que a BSP já recebeu outras premiações como o Prêmio IPL 2016 como Melhor Biblioteca do Ano, promovido pelo Instituto Pró-livro, e o Prêmio Ações Inclusivas 2013 da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, além de contar com Certificado de Excelência TripAdvisor.

    Para saber mais sobre a BSP, confira vídeo abaixo:

  • Leitura e tecnologia

    O fascínio de adultos, jovens e crianças pelo mundo digital é uma das possibilidades de aproximação com a leitura. Em um ambiente acolhedor, com muita cor e mobiliário confortável, a BSP disponibiliza mais de 90 computadores para o público acessar a internet (gratuitamente, durante 120 minutos diários), ver filmes, ouvir música, brincar com jogos de tabuleiro e também relaxar nas suas várias áreas de convivência, lendo livros, revistas ou jornais. Oferece acervo de DVDs e tecnologias para leitura – como equipamentos que possibilitam a leitura de livros eletrônicos e outras mídias digitais (saiba mais também em Acessibilidade).

    A BSP faz uso de sistema de gerenciamento de informação que controla todas as rotinas de uma biblioteca, a partir da entrega da chave do guarda-volumes; cadastro de usuários; consulta ao acervo via web; circulação com renovação online e produção de relatórios gerenciais e estatísticos; e equipamento de autoempréstimo, que permite ao leitor a retirada dos títulos de seu interesse, sem usar o atendimento do balcão.

  • Acessibilidade

    A BSP dispõe de mobiliário especial para cadeirantes (mesa de altura regulável e adaptável) e de equipamentos para auxiliar a leitura de deficientes visuais (cegos ou pessoas com baixa visão), como lupa eletrônica e computadores com leitores de tela. Destaques para o escaneador de páginas de livros, que permite ouvir e/ou acompanhar o texto em braille no ritmo desejado (maior ou menor velocidade) e o dispositivo eletrônico que garante a leitura por voz de textos impressos (para saber mais, clique aqui).

    Piso Infantojuvenil

    Espaço organizado por faixas etárias representadas por cores. Na cor laranja estão agrupadas as faixas etárias 0 a 3 e 4 a 6 anos. A cor lilás destina-se a faixa etária de 7 a 11 anos, e a verde para 12 a 17 anos.

    Crianças e jovens podem explorar um universo de possibilidades na BSP. Leituras individuais e em grupo, dramatização, filmes, internet e jogos de tabuleiro e cartas, entre outras atividades, que visam estimular o interesse pelo livro e pela biblioteca.

    A ambientação oferece ao público um espaço acolhedor e aconchegante, como convite para a leitura.

    Os pais e/ou responsáveis podem permanecer próximos aos filhos, participando em conjunto das atividades propostas.

    Piso adulto

    Nesse piso, você encontra acervo variado, com lançamentos do mercado editorial e obras premiadas; jornais e revistas; filmes de diversos gêneros; músicas; e computadores com acesso à internet.

    Há ainda o Espaço +60 e a Espaço +18 anos. Os ambientes oferecem acervos direcionados para o interesse desses públicos.

  • Desenvolvimento do acervo

    Para incentivar e promover o gosto pela leitura, a composição do acervo é diversificada e permanentemente atualizada.

    O grande foco é a literatura nacional e internacional. Os assuntos complementares são das áreas de Filosofia, Religião, Autoajuda, Esportes, Biografias, História, entre outras.

    Realizamos aquisição contínua de livros, DVDs, revistas, jornais, gibis e lançamentos.

    A biblioteca também aceita sugestões de aquisições de obras. Basta acessar o catálogo e fazer o login. Sugestões são sempre bem-vindas.

    Conheça a Política de Desenvolvimento de Coleções da BSP.

  • Articulação com as Bibliotecas Públicas Municipais

    A BSP, como laboratório de práticas da área de Biblioteconomia e Ciência da Informação, sedia permanentemente cursos e eventos organizados pelo Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas (SisEB), voltados para a capacitação das equipes das bibliotecas públicas municipais, integrantes do sistema.

Ouvidoria Transparência SIC
Doe Máscaras